Arquivado

Este tópico foi arquivado e está fechado para novas respostas.

Rafael Vida

tutorial Como fazer um overclock.

137 posts neste tópico

Como fazer um overclock

 

Eu não achei nenhum tutorial que abordasse o overclock aqui no Fórum, portanto, resolvi fazer um.

Não me aprofundarei muito no assunto, pois há muita coisa a ser tratada: ficarei no superficial apenas. Está bem de humilde, mas tomara que seja de valia.

 

1. O que é overclock?

 

O overclock consiste em fazer determinado chip trabalhar acima da freqüência de fábrica. Vou ensinar aqui como fazê-lo em um processador.

 

2. Opções na BIOS:

 

Na BIOS existem várias opções de overclock, e eu vou citar aqui e dar uma breve explicação sobre elas. Lembrando que o nome delas pode variar, dependendo da placa-mãe.

 

CPU External Frequency: FSB (Front Side Bus). É a velocidade com que o processador conversa com a memória. É basicamente por aqui que fazemos o overclock.

 

CPU Multipler, CPU Frequency Multipler: multiplicador da CPU. Esse número, multiplicado pelo FSB, resulta no clock da CPU. Ex.: 133 x 12,5 = 1667 MHz (Athlon XP 2000+).

 

Memory Frequency: divisor das memórias. Geralmente, o modo síncrono (1:1, FSB na mesma freqüência das memórias) é o que oferece mais desempenho e mais estabilidade. Se você tem memórias DDR400 e usa um processador

com FSB 266 MHz, elas rodarão também a 266. Você pode setá-las

com velocidade maior que a CPU, mas isso quase não trará aumento

de velocidade.

 

Memory Timings: timings da memória. Dessa opção, partem várias sub-opções: CAS Latency, RAS Precharge, RAS to CAS Delay, Active Precharge Delay. Também há outros, como DRAM Idle Time, TRP, TRDRAM, etc. mas esses só estão disponíveis no Athlon 64. Uma diminuição nesses números implica numa maior velocidade do sistema, mas afeta a estabilidade. Em overclock, o ideal é aumentá-los, pois o acréscimo de clock compensa os altos timings.

 

CPU Vcore: voltagem da CPU. Quando se aumenta muito a freqüência do processador, é necessário dar um acréscimo na voltagem do core para atingir a estabilidade, o que também implica num aumento da temperatura. Também é possível abaixar o vCore, o que deixa o processador mais frio e, conseqüentemente, aumenta sua vida útil, mas isso só se for para trabalhar em stock (sem over) mesmo.

 

DDR Reference Voltage: vDIMM (voltagem das memórias). Ao subir o FSB, o clock das memórias sobe junto (isso no modo 1:1), e também é necessário aumentar sua voltagem para conseguir estabilidade, mas isso só se você ultrapassar a freqüencia de fábrica das memórias: se forem DDR400, só será necessário aumentar o vDIMM se elas passarem de 200 MHz; também pode ser útil em stock, para conseguir timings melhores.

 

Chip Voltage Control: Vdd (voltagem do chipset). É muito útil em overclocks agressivos, quando se tem um alto FSB.

 

Também há outras opções, como SB Voltage (voltagem da ponte-sul), HT Multipler (multiplicador do HT), mas estas só estão disponíveis em sistemas com o Athlon 64.

 

3. Começando...

 

Antes de fazer um overclock, você deve verificar se está tudo certo com o sistema. Dê uma olhada nas temperaturas e nas voltagens da fonte. Nos Athlons XP, não é recomendado passar de 60ºC e nos Pentium 4, de 50ºC. Em relação às voltagens, não pode haver uma variação maior que 5%, pois, caso contrário, você pode arrastar a sua fonte - junto com todo o sistema - para o lixo.

 

Para quem não está a fim de fazer contas:

 

+12V: 11,4v a 12,6v

+5V: 4,75v a 5,25v

+3,3V: 3,14v a 3.46v

 

Um bom programa para medir isso é o Everest Home Edition. Para quem tem placa-mãe da ASUS, é melhor o ASUS PC Probe.

 

Lembrando que isso tudo deve ser medido em full load. Para isso, tem o Stress Prime 95.

 

4. Mãos à obra!

 

Agora chegou a hora de agir. Reinicie o computador, entre na BIOS (geralmente apertando Del, quando o computador liga) e aumente o FSB. Mas não aumente muito, pois certamente o sistema não irá agüentar; eu recomendo 5 MHz. Volte para o Windows, rode o Stress Prime 95, verificando a estabilidade. Sempre dê uma olhada na temperatura e nas voltagens. E assim por diante, até alguma vez dar erro no Prime 95, o que indicara instabilidade. Quando isso ocorrer, tente dar uma relaxada nos timings da memória. Vá testando a estabilidade, olhando temperatura e voltagens. Também é útil mexer no vDIMM e abaixar o multiplicador (para poder aumentar um pouco o mais FSB). Mexer no vCore também ajuda. Não esqueça do Vdd.

 

Mas não exagere! Quanto mais altas são as voltagens, menos tempo de vida útil os componentes têm: eu não gosto de ultrapassar 0,2v o vCore original do processador. É bom você ter um gabinete bem ventilado, um bom cooler na CPU (pra mexer no vCore), dissipadores nas memos (pra mexer no vDIMM) e até um cooler ativo na ponte-norte (caso mexa no Vdd).

 

E é isso aí, você tem de ir mexendo no vCore, vDIMM, multiplicador, testando aqui e ali e ver o máximo de over que você consegue.

 

5. Downloads:

 

post.icon.gif Everest Home Edition 1.1 - para ver as temperaturas e voltagens

post.icon.gif 

ASUS PC Probe 2.23.01 - idem, mas só para placas-mãe da ASUS 

post.icon.gif 

Stress Prime 95 2004 0.26 - para testar a estabilidade do sistema

post.icon.gif CPU Burn - idem

post.icon.gif 

CPU-Z - para ver clocks, timings, placa-mãe, cache, etc.

post.icon.gif Memtest86 - para testar as memórias

 

v1.2

 

Fonte: eu

 

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Básico mas muito bom....o que tinha acho que deletaram ou sobrou na migração do fórum....

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Data: 28/7/2004 7:17:11 PM

Autor: Ipatinga

Básico mas muito bom....o que tinha acho que deletaram ou sobrou na migração do fórum....

Valeu, Ipatinga. 4.gif

Só esqueci de falar algumas coisinhas, que já adicionei. 3.gif 4.gif

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Data: 29/7/2004 12:07:33 AM

Autor: Rafael Vida

Data: 28/7/2004 10:02:03 PM

Autor: Junior-TJF

Adiciona ae Rafael Vida..

http://users.bigpond.net.au/cpuburn/

CPU Burn.. muito útil

http://www.memtest86.com/

Memory Test 1.gif

O CPU Burn tem a mesma função do Prime 95. 3.gif Mas de qualquer forma eu adicionei. 4.gif

4.gif2.gif


X2 4000+ // ASUS M2N-SLi Deluxe // Titan 3GB DDR2 800mhz // Leadtek 7600GT // Seagate SATA II 500GB / Maxtor 160GB SATA I // SAMSUNG 931bw

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Bem legal o tutorial, apesar de eu ser contra OverClock, não tenho nada contra quem curti fazer. 4.gif

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Rafael, ficou muito bom 4.gif

[]'s

Kael Arthas


t_closed.pngKael Networks -->Artigos, Soluções, Dicas e novas Tecnologias<--

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Mt bom cara ... 4.gif

O participante Chuck_RJ foi banido do Fórum. Leia o relatório clicando aqui.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

na parte:

"Se você tem memórias DDR400 e usa um processador

com FSB 266 MHz, elas rodarão também a 266. Você pode setá-las

com velocidade maior que a CPU, mas isso quase não trará aumento

de velocidade."

isso não é verdade.. tanto que quase todas as mobos hoje em dia aceitam configuração assíncrona, e com melhorias confirmadas, até porque muita coisa no PC faz uso da memória e não apenas o processador.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Data: 2/8/2004 9:12:31 PM

Autor: carl0s

na parte:

''Se você tem memórias DDR400 e usa um processador

com FSB 266 MHz, elas rodarão também a 266. Você pode setá-las

com velocidade maior que a CPU, mas isso quase não trará aumento

de velocidade.''

isso não é verdade.. tanto que quase todas as mobos hoje em dia aceitam configuração assíncrona, e com melhorias confirmadas, até porque muita coisa no PC faz uso da memória e não apenas o processador.

Eu sei, quase todas aceitam o modo assíncrono, mas setar as memórias com velocidade superior ao FSB quase não trará aumento de performance, pois você estará aumentando somente a freqüência INTERNA delas. O que traz aumento de performance é o aumento no FSB, que é a velocidade que ela se comunica com a CPU. 2.gif

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

excelente

mto bom

bom fiz aqui com meu duron 1.3 da 104 x12,5 = 1300 CPUFrequencyMultipler:=104

flws4.gif4.gif4.gif

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
    • 6 Mensagens
    • 153 Visualizações
    • 2 Mensagens
    • 102 Visualizações
    • 2 Mensagens
    • 176 Visualizações
    • 7 Mensagens
    • 276 Visualizações
    • 4 Mensagens
    • 270 Visualizações