Este fórum foi descontinuado. LEIA AQUI e participe da Comunidade BABOO :)

A área de Remoção de Malwares está aberta na Comunidade BABOO. LEIA AQUI

Ir para conteúdo
JeanSilva

Faz diferença eu usar Windows original ?

Mensagem Recomendada

Bom, lógico que faz diferença ... Mas a minha duvida é, sobre desempenho, erros de instalações de programas e esse tipo de coisa ... Usar pirata ou original faz diferença ?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

By BABOO:

Qualquer crack ou ativador

Muitos internautas utilizam cracks e ativadores para ativar o Windows ou programas, ignorando detalhes importantíssimos além da óbvia ilegalidade e imoralidade no uso desses programas:

Esses programas alteram arquivos do sistema operacional, corrompendo-os e/ou injetando código adicional. O resultado disso não poderia ser outro: o Windows torna-se instável e/ou lento – incluindo erros aleatórios de tela azul.

Muitos ativadores e cracks criam Serviços no Windows (programas que ficam residentes na memória RAM) que realizam tarefas desconhecidas, comprometendo a segurança e privacidade do usuário.

Pense racionalmente: se o sistema de ativação do Windows, Office e outros programas permanece o mesmo e nunca mudou desde 2015, porquê internautas desconhecidos criam “novos ativadores e cracks”?? Simples: como ativadores e cracks são muito procurados na internet, eles são IDEAIS para distribuir novos malwares e ransomware que ainda não são detectados pelos antivírus. Não é à toa que esses programas sempre sugerem “desabilitar o antivírus” antes de serem instalados.

A segurança no uso desses programas é nula; há alguns anos eu analisei uma versão pirata do antivírus da Symantec e descobri que o “ativador” dele executava silenciosamente um script que abria uma porta no firewall para posterior acesso remoto. Nada mais inteligente do que usar um antivírus pirata que FACILITA a invasão do seu computador, né? 😉

Atualmente muitos malwares são instalados em estágios, e por isso eles não são detectados pelos antivírus. Esse tipo de malware é denominado trojan dropper ou trojan downloader, e eles salvam “pedaços” do malware no disco rígido do usuário – e quando o último “pedaço” é baixado, todos eles são reunidos em um único arquivo e o malware entra em funcionamento. O mais curioso é que esses “pedaços” podem estar disfarçados como imagens comuns, dificultando ainda mais a sua detecção, e o uso de cracks e ativadores é um excelente meio de fazer isso. Aliás, eu abordo em detalhes esse tipo de trojan na aula 38 dos meus cursos de Manutenção de Windows.


assinatura-mrmillion.png65301516_windows-insider-mvp-logo(Custom).png.36263cb7b506cc6935fb37f39e504cec.png

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

×
×
  • Criar Novo...